Coprocessamento

Diante desse cenário, o coprocessamento de resíduos surge como uma alternativa sustentável para a reutilização de materiais que, de outra forma, iriam para aterros sanitários.

O ponto alto do coprocessamento de resíduos industriais é na geração de combustível derivado de resíduos que são utilizados como aliados na substituição de combustíveis fósseis. Solucionar o problema da geração e acúmulo de resíduos é um dos principais desafios da sociedade moderna.

Por isso a redução do impacto ambiental com o coprocessamento de resíduos é a técnica mais viável para empresas.

A destinação do resíduo para o coprocessamento é segura e corresponde a todas as exigências legais. Além disso, é uma solução definitiva para os resíduos, uma fez que os resíduos são destruídos e/ou incorporados com matéria prima na fabricação do cimento.

A prática do coprocessamento de resíduos em fornos rotativos de clínquer vem sendo amplamente explorada e incentivada, sendo difundida em vários países, onde se verifica o aumento expressivo das quantidades e tipos de resíduos processados.

Tal prática é plenamente compatível com a atual política mundial de preservação de recursos naturais e energéticos, apresentando-se como uma das alternativas mais seguras e eficientes para a destinação/destruição de resíduos.

Coprocessamento

Com o coprocessamento de resíduos, as atividades da empresa se alinham às regras da Política Nacional de Resíduos Sólidos, que exige que o gerador se responsabilize tanto pela destinação final do resíduo quanto pela redução da quantidade de resíduo gerado.

Como Contratar Serviços De Coprocessamento De Resíduos Perigosos

Com esta prática, tanto a empresa que produz os resíduos, como as empresas de cimento são beneficiadas. O coprocessamento é a destinação adequada e sustentável de resíduos e de passivos ambientais em fornos de cimento.

Passa a ser uma solução definitiva para alguns resíduos; uma vez que no processo eles são destruídos por completo e/ou incorporados como matéria-prima na fabricação do cimento, sem geração de escórias e/ou cinzas.

Essa técnica pode contribuir para a preservação do planeta e dos seus recursos naturais, uma vez que substitui matérias-primas e combustíveis tradicionais requeridos principalmente para a fabricação do cimento, dando uma destinação adequada para resíduos perigosos. representa uma alternativa real frente à necessidade de uma destinação final ambiental e socialmente adequada de resíduos provenientes de diversos processos industriais.

Em paralelo, legislações mais severas, como a Política Nacional dos Resíduos Sólidos, têm levado empresas a assumirem responsabilidades sobre as consequências ambientais de suas operações.

Com o coprocessamento, os resíduos coletados viram elementos energéticos, ou seja, eles são transformados pelo procedimento em matéria-prima para empresas do campo cimenteiro, garantindo assim um eficiente reaproveitamento. Além disso, cada etapa do coprocessamento de resíduos realizadas pela empresa é feita com todo o cuidado e rigor técnico.

A coleta é realizada com agilidade para que o contratante possa otimizar o seu espaço em um tempo curto.

A principal vantagem do coprocessamento de resíduos para o meio ambiente, visa a redução do volume de lixo enviado para aterros sanitários. Como já falamos, a instalação de aterros sanitários, por mais que seja, uma das opções adequadas de disposição de resíduos, ainda representa um alto impacto ambiental e social.

Diversos materiais podem ser utilizados como combustível ou matéria-prima, na produção de clínquer na indústria do cimento.

Transporte De Resíduos Perigosos

Quem regulamenta essa técnica é o CONAMA pela Resolução 264/99, e o mesmo estabelece quais resíduos estão aptos à esse processo.

Os resíduos que podem sofrer coprocessamento são aqueles que também não podem mais ser dispostos em aterros industriais, excluindo os resíduos hospitalares, domésticos não tratados, radioativos, pesticidas, agrotóxicos e explosivos.

Uma alternativa eficiente para eliminar o lixo tóxico, gerado por qualquer segmento industrial, seja ele, um hospital ou uma metalúrgica, é contratar uma empresa especializada na destinação correta destes resíduos.

Existem diversos processos possíveis para que a eliminação de lixo tóxico seja feita, estes processos fazem com que a empresa geradora destes resíduos contribua para a preservação do meio ambiente.